O aluguel residencial pouco sofreu com o desaquecimento da economia. O aluguel comercial, por sua vez, especialmente os de alto valor, sofreu uma sensível redução, algo em torno de 30% nos últimos dois anos.

Conclusão:

1) É uma boa hora para o investidor comprar imóveis comerciais mais baratos, o que deverá lhe render bons lucros num prazo de 3 anos, em nova fase do ciclo imobiliário.

2) Deve-se manter os atuais valores dos aluguéis residenciais, pois esses não sofreram na mesma intensidade dos comerciais os reflexos da crise econômica.

3) Com relação aos imóveis que já se encontram alugados, na hipótese de o inquilino solicitar uma redução, o assunto deve ser analisado caso a caso, para ver se o pedido procede ou se é simplesmente porque ele “viu na TV”. E, em caso de dúvida, ao invés de se proceder qualquer redução no aluguel, seja concedido um desconto temporário no aluguel, por 6 meses, por exemplo.

Prudência é fundamental, especialmente neste momento. Tenho visto algumas entrevistas que não refletem exatamente o que está ocorrendo no Mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *