O mundo anda conectado e por isso as distâncias entre as pessoas encurtam a cada dia, e muitas são as implicações decorrentes desse fenômeno.

Quem deseja comer uma pizza, por exemplo, já não precisa sair de casa; quem quer comprar um carro novo pode se informar sobre o veículo antes mesmo de falar com o vendedor; o proprietário de um apartamento já não precisa de um Corretor ou de uma imobiliária tão somente para anunciar o seu imóvel nos portais imobiliários, ele mesmo pode fazer isso e ainda tratar diretamente com os interessados. Tudo isso e muito mais pode se resolvido através da Internet.

Isso quer dizer que os Corretores e imobiliárias vão desaparecer do mercado? Não, obviamente. Aliás, a profissão ocupa cada vez mais um papel importante inclusive nas economias de países desenvolvidos, a exemplo dos EUA.

O que vai ocorrer -aliás, já está ocorrendo- é uma mudança radical no perfil desses profissionais e dessas empresas. Agora a importância maior deles não é mais ser um mero “anunciante” ou tão somente mostrar o imóvel e depois apresentar o interessado na compra ao interessado na venda. Isso já não é o mais significado.

Daqui pra frente o profissional precisará saber conduzir a negociação com mais propriedade e profissionalismo, desde o atendimento inicial ao telefone ou pela Internet, até o pós-venda. Para isso ele precisa se preparar para saber lidar com as pessoas e deve conhecer de tudo sobre o imóvel, bem como sobre as peculiaridades mercadológicas que o envolvem. Ele precisa, enfim, mostrar ao cliente que o seu trabalho tem um importante valor e que certamente fará a diferença na promoção da negociação, até mesmo pela sua boa reputação no mercado, pela segurança que o seu nome traduz.

Por isso os Corretores precisam se capacitar mais e melhor… muito mais e muito melhor. E não se confunda certificação com capacitação. Vale salientar que todos os Corretores são certificados, caso contrário não se inscreveriam no Creci, porém nem todos possuem a necessária capacitação para o adequado exercício da profissão, infelizmente.

5 respostas

  1. O cliente geralmente nao domina a parte de documentação que preciso para requerer o Itbi na Prefeitura, os caminhos para saber se um imovel esta em dia com o foro de marinha, se o terreno é dominio útil ou posse, como ter a certeza, aonde recorrer se aparecerem débitos de Iptu e taxas de bombeiros e gravames no Cartório de Registro, as vezes inviabilisam a negociação. Nas Locações, clausulas importantes como: Fiador ou Caução, tempo da locação em imóveis para residência ou comercio, para temporada etc. Portanto, não feche negocio imobiliario sem o apoio de um Corretor de Imoveis, vc pode ter muitos prejuízos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *